F   FERAÇÃO MINEIRA DE JIU-JITSU 

F.M.J-J.

     
 
 
 
 
R  

NOTÍCIAS PERMANENTES                                                                           

                HISTORIA DO JIU-JITSU NO BRASIL

  Conheça um pouco da historia do jiu-jitsu, e como no Brasil encontrou terreno fértil,    e pode

desenvolver , organizar criar  as primeiras entidades  de direção da arte suave. Leia em Historia

                                                              

  GANHADORES DE BOLSA JIU-JITSU F.M.J-J . OS JÁ  SORTEADOS   EM  2017     

 

   COMPETIDOR  EQUIPE
1 GABRIEL ROCHA OLIVEIRA 20216   PEPOSO
2 JEFERSON EXPEDITO LEITE 17.702. ARAIDO
3 RAYAN KAIK  SILVA  R.PINTO 20.636 SANGÃO
4 DIEGO PAULO  SILVA ALMEIDA 12.000  SANSHIRO
5 NÍCOLAS ANDRÉ LOBO 19026   FORÇA E POTENCIA
6 HENRIQUE DE PAULA FELICIO 21070   MARCÃO 
7      
8      
9      
10      
11      
12      
13      
14      
15      
       

Procedimentos:    Entre os boletins escolares enviados  escolha-se os  de melhores notas  para o sorteio. Um por

equipe.Não ha despesas  e vale para todas as etapas do ano .  Ainda  restam 9 bolsas . Vamos concorrer ?             

        43ª TAÇA MG - 2017

    F.M.J-J. ETAPAS DO CAMPEONATO ESTADUAL  2017           
                     43ª TAÇA MINAS GERAIS DE JIU-JITSU 
MÊS DATA    ETAPA E   TROFÉU   LOCAL
MARÇO 26   1ª - TROFÉU INICIO - ABERTURA MINEIRINHO
 MAIO 28   2º ETAPA-  TROFÉU  PRATA DA CASA  SESC .V.NOVA
 JUNHO      
 JULHO  30  3ª ETAPA- TROFÉU  LUITADORES  Ginasio do SESC- Venda Nova
 SETEMBRO 17  4ª ETAPA- TROFÉU CAMPEÕES MINEIRINHO
NOVEMBRO  19  5ª ETAPA - INVICTOS -  ENCERRAMENTO MINEIRINHO
                     NOS  MESES  INTERMEDIÁRIOS   EVENTOS  EXTRA ORDINÁRIOS

         DATAS  E LOCAIS   PODEM  SOFRER ALTERAÇÕES,,

                 SE POR  MOTIVOS INCONTORNÁVEIS

                                                

 NOVAS TAXAS E PROCEDIMENTOS

 FEDERAÇÃO MINEIRA DE JIU-JITSU – F.M.J-J.

 DECRETO DA PRESIDÊNCIA

Expedido em de 29 de março de 2017.                                           

Resolução F.M.J-J. 001/03/2017 

Dispõe sobre atualização, diplomação e pós-graduação na  F.M.J-J. O Presidente da Federação Mineira 

de Jiu- jitsu,  no uso de suas atribuições que lhe confere o art. 26 do Estatuto da Federação Mineira

de Jiu-jitsu, decreta: Art.1º - No que trata o capitulo II da Hierarquia e graduações do estatuto da FMJJ,

se inclui a partir de 29 de março de 2017, já aprovado na assembléia do dia 04 de fevereiro de 2017.

Que seja aceito e diplomados na Federação Mineira de Jiu-jitsu (FMJJ), desde que apresente documento

de uma entidade oficial, carteira, diploma, certificado ou histórico. E pós-graduação na faixa preta que

sejam contados o tempo a partir da data do seu primeiro diploma de faixa preta lisa expedido por órgão

oficial do jiu-jítsu, pagando às taxas correspondentes a graduação.

Art.2º - Ainda no que se trata a graduação capitulo II da Hierarquia e graduações do estatuto da FMJJ, se inclui

também a atualização do faixa azul, roxa e marrom. Desde que apresente documentos  oficiais das entidades

legalmente consistidas que regem o jiu-jitsu.

Art. 3º - Todos os documentos serão analisados para deferimento ou não.

           Esse decreto entrará em vigor na data de sua publicação.

           Revogam-se as disposições em contrário.

           Cumpra-se.

    Belo Horizonte 29 de março de 2017.

        José Felix                                               

           Presidente  F.M.J-J.

 *********************************************************************************************************** 

  DECRETO DA PRESIDÊNCIA

Expedido em de 29 de março de 2017.

Resolução FMJJ 002/03/2017  

    de 29 de março de 2017.

Dispõe sobre taxas de diplomação e pós-graduação da Federação Mineira de Jiu-jitsu – FMJJ.

O Presidente da Federação Mineira de Jiu- jitsu, no uso de suas atribuições  decreta:

Art.1º - Taxa para diplomação passa a ser  de R$ 900,00

Art.2º - Taxa de atualização na faixa preta passa a ser de  R$ 900,00

Art.3º - Taxa de pós-graduação mais R$ 400,00 por grau

Art.4º - Taxa de atualização do faixa azul, roxa e marrom, R$ 200,00 para cada faixa.

                  Mais atualização das carteiras da FMJJ.

 

       Esse decreto entrará em vigor na data de sua publicação.

            Revogam-se as disposições em contrário.

                                                                         Cumpra-se

 

        Belo Horizonte 29 de março de 2017.

                                                                          José Felix

                                                      Presidente  F.M.J-J.

www.jiujitsuminas.com.br

 

                       

        

    

   

 JURAMENTO DO FAIXA PRETA

               OS  7  PRINCÍPIOS  

  prestado pelo formando diplomado pela F.M.J-J.

 

 

                   

 

    

  CÓDIGO  DISCIPLINAR  DA

               F.M.J-J.

 

                   

     Qualquer entidade ou pessoa que estiver sob a égide da Federação Mineira de Jiu-Jítsu obriga-se

a acatar e respeitar o seu  estatuto,as suas diretrizes  e o seu código disciplinar ,cumprindo as suas normas e

  fazendo cumpri-las . ( Em 2018 este código disciplinar  poderá ser  novamente revisto,acrescentando, retirando,

   Atualizando normas ,desde que continue em concordância  com o Estatuto e o Regulamento Geral da F.M.J-J.

                                         PROCEDIMENTOS  E PENALIDADES

                                                   ARBITRAGEM

 O Regulamento arbitral de competição obedece ao divulgado pela Confederação Brasileira de Jiu-Jítsu ,

ressalvando-se,porem,as normas e procedimentos já estabelecidas pela FMJ-J.e que ainda estejam em

evidencia para o seu território de atuação  o   Estado de Minas  Gerais

  1.Nas infrações leves ( ver  Manual de Instrução  Arbitral ),  na 1ª o arbitro central adverte verbalmente;

na 2a advertência configura 1 (uma) vantagem para o adversário ; Na 3a advertência configura 2 pontos negativos ,

mbém revertidos para o  adversário ; na 4a advertência desclassifica o infrator concedendo a vitoria ao  adversário.

2. Nas faltas consideradas graves ( ver Manual de Instrução- Arbitral ) a desclassificação é sumária, concedendo a

 vitoria ao  adversário.

                                                 DO CORPO ARBITRAL

1. Membro do Corpo Arbitral da FMJ-J que participar de eventos esportivos estranhos a      ela e sem autorização

da mesma

 2.  O Arbitro central que :

a) Se afasta propositadamente ou se oculta para não ser designado;

b)- Se  apresenta para trabalho na área de competição sem o uniforme da arbitragem ;

c)- Deixa de coibir violência ou animosidade entre os lutadores no decorrer da luta;

d)-Deixa de marcar a pontuação no tempo  exato, ocasionando reclamações e prejuízos ao contendor;                                                                                              

e)-Se ausenta embora convocado, e sem apresentar justificativa relevante  e antecipada  ;

f)-Não coíbe a permanência  de pessoas junto a sua área, em prejuízo da sua   atuação;                                                                                                   

g)-Desatento,descuida do desenrolar da luta em prejuizo dos contendores e das equipes;

h)-Participa de  eventos esportivos estranhos a Federação, sem comunica--la solicitando autorização;

i)-Permite ser  influenciado por  terceiros, em prejuizo da sua atuação ,que deveria ser correta  e imparcial;

j)-Critica publicamente a atuação do seu colega, principalmente quando  se sente prejudicado;

l)-Demonstra excesso ou falta de autoridade;

m)-Demonstra indicio de parcialidade.

Pena: Admoestação por escrito; Suspensão e afastamento do quadro de 60  até 360 dias;

 Suplência; Exclusão do Quadro (2.92).

                O Lateral ( JURADO) QUE :

a)-Permite ser influenciado por terceiros e acaba beneficiando uma das partes;

b)-Distraído,  deixa de acompanhar a luta e de  marcar o designado pelo  arbitro Central ;

c)-Deixa de assinar a papeleta, anotar os nomes e os demais  dados essências e indispensáveis;

Pena: Advertência por escrito,afastamento do quadro arbitral ;

             TJD- Congelamento da faixa ou de grau ;

 

           O MESÁRIO OU COMPONENTE DE MESA QUE :

a)-De qualquer maneira beneficiar uma das partes ;

b)-Deixa de denunciar  para coibir regular idades prensenciadas;

c)-Descuida das coisas e objetos da Federação sob sua guarda;

d)-Permite interferência  no seu trabalho de quem não tem este direito;

e)-Incluí, excluí, modifica chaves, sem o conhecimento e autorização expressa da coordenação;

f)-Tenta manipular  resultados  em beneficio de outrem;

Pena: Advertência; Afastamento de até 360 dias; Afastamento definitivo;

TJD-Congelamento  da faixa e grau ; Exclusão .

 

  PROFESSORES, INSTRUTORES ,COMPETIDORES e OUTROS .                                         

   : O Competidor que

)-Apresentar-se para competir   sem a carteira da Federação, com carteira sem a foto ou rasurada;

b)-Numero da carteira não coincidente com o do kimono;

c)- Kimono sujo ou Exalando mau cheiro ;

d)- Pomadas ou ungüentos pelo corpo ;

e)  Faltando a tarja na faixa ;

f)- O  escudo da Federação fora da frente e das  costas do kimono,mas em lugar incorreto;

g)- Escudo da Federação sem o número do registro;

h)- Trajando kimono fora das proporções e das características exigidas ;

i)  Unhas  grandes nos pés e nas mãos

Pena. Não entra no dojo para  competir.Exclusão sumária da competição.

                               Atitudes  incorretas de federados.

 a)-) Assumir atitude contraria a disciplina ou a moral  esportiva em relação a componentes das , ou  torcedores ,

 tais como gestos e palavras  grosseiras, de baixa calão, obscenas .

b) Fazer uso de bebidas alcóolicas, tóxicos, substancias alucinógenas , ou contribuir para o seu uso ;                 

c)- Reclamar com palavras  grosseiras ,gestos ou atitudes acintosas ,contra a decisão   arbitral , mesários

    ou autoridade esportiva presente ao evento ;

d)- Participar de rixa, conflito ou tumulto durante uma competição , exceto nos casos comprovados em que procurava

minimizar a questão;

e)-Transitar pela área de competição sem estar designado para serviços; ou torcendo,ou     dando instruções,

 uniformizado ou não;

f) - Sentar-se nos bancos ou cadeiras destinadas a árbitros,mesários e outros a serviço ;

g)- Treinar ou competir com brutalidade ou violência desnecessária, possibilitando causar lesão ao adversário;

  h)-Quando competidor a advertência verbal  também para a  equipe do faltoso.

Pena - Na 2a advertência retirada de 1( uma) medalha de prata ( 4 pontos ) do faltoso e da sua  equipe

 na 3a advertência retirada de uma medalha de ouro ( 9 pontos) do faltoso e da sua equipe ,alem

da retirada da área restrita.Se houver implicância maior desclassificação também da equipe do faltoso.

 A penalização atinge também competidor não uniformizado envolvido.

 Acrescentando-se o congelamento da faixa  e grau; rebaixamento da faixa e grau; exclusão,conforme

a determinação do CONARS e do TJD

 g)-  Professor, instrutor  ou membro  da equipe. não competidor no evento.

Pena - Advertência verbal ,também para a equipe ; Na 2ª advertência  retirada de  uma medalha de prata da equipe;

na 3a advertência retirada de uma medalha de ouro da equipe e retirada forçada da  área restrita, sem prejuízo de

 outras sanções,se for o caso.

 

 H -     O faixa preta  instrutor, aspirante ou professor,assim como o faixa  marrom, ( instrutor),

faixa roxa ( monitor,lateral cursado)  que:

a)- Participar, sem autorização ,de competições ou treinamentos  estranhos a FMJ-J;

b)- Se  ausenta das reciclagens, cursos de aperfeiçoamento ,treinamentos oficiais, sem  motivos relevantes e sem

oficializar estes motivos ;

c)- Ministrar aulas de jiu-jítsu,em qualquer lugar  por mais 6 meses sem procurar filiar a      equipe, ou vincular-se

a outra equipe federada como dependência, e ou sem o alvará de dependência ;

d)- Autorizar faixa marrom ministrar aulas ,sob sua responsabilidade mas sem assisti-lo;

e)- Autorizar faixa roxas e azuis a ministrar aulas tornando-se co-responsável;

 f)- Danificar praça de esporte,sede ou dependência esportiva;

g)-Disputar torneios com faixa inferior a que lhe foi autorgado pela FMJ-J;

h) Deixar de comparecer a treinamento convocado pela sua  academia ou federação,sem motivo relevante;

Pena : Advertência ; Suspensão ; Congelamento da faixa e ou grau; Exoneração de cargo de confiança.

Se julgado pelo TJD pode ocorrer retirada de grau ou da faixa  e até exclusão da F.M.J-J.

      DAS INFRAÇÕES CONTRA AS  ACADEMIAS OU A  FEDERAÇÃO

a)-Danificar praça de esporte,sede ou dependências de academia ou entidade esportiva

Pena: Indenização pelos danos ocasionados;TJD Suspensão;  Exclusão ;

b)-Requerer  filiação ,simultaneamente, em duas ou mais entidades esportivas congêneres em Minas Gerais .;

c)- Qualquer sob a égide da FMJ-J que se dirigir ao seus       diretores de maneira  desrespeitosa ou ofensiva;

Pena: Advertência por escrito; Na reincidência suspensão das coisas da Federaçaõ em até 180 dias.

Na  3ª reincidência atuação do TJD  com possibilidade de  congelamento da faixa; Rebaixamento da faixa e grau;

Exclusão da FMJ-J ; Cassação de diploma  de graduação .

 

As penalidades por atos considerados graves serão sempre tornadas de conhecimento público.

Obs.O penalizado não pode, por nenhum motivo, estar na área restrita de competição,enquanto durar 

a penalização. Na reincidência responderá junto ao TJD

$ ÚNICO - Ao responsável por lesão dolosa, em treinamento ou competição, acrescenta-se o amparo

imediato ao lesado e sem prejuízo de instrução criminal

                                           O PROFESSOR OU INSTRUTOR QUE:

a) - Abonar como supervisor de faixa marrom, se comprometendo junto a FMJ-J , colocando-o  frente a academia

ou equipe, e não lhe  prestando a necessária e  indispensável supervisão e orientação;

b)- Designar faixa  inferior  a permitida pela Federação  para representá-lo frente a academia, equipe  ou grupo,

com o intuito de ministrar aulas  objetivando os lucros

c- Conceder faixa amarela,azul,roxa ou marrom, por merecimento, sem contudo ministrar o exame exigido ,

atentando desta forma contra o Regulamento da FMJ-J ;

Pena:Impossibilidade de registrar a faixa cedida; advertência por escrito; Suspensão de supervisão ;

exoneração de cargo de confiança ou comissionado;

TJD possibilidade de  Retenção da faixa e grau; Suspensão ordinária ; exclusão da F.M.J-J.

  d)- Professor  ou instrutor desfilando a frente dos seus alunos,de traje comum, e sem  kimono, uniforme  ou

camisa identificadora da equipe.

Pena Advertência escrita ;Retirada de uma medalha de ouro da equipe  na contagem geral obtida (1.88 ), 

 duas medalhas na reincidência.Não havendo nenhuma reposição de medalha   recebe suspensão

 ou multa .

                                  DA FEDERADA  QUE:

)= Aceitar aluno de outra equipe co-irmã ,estando aquele suspenso, expulso ou  desertor, sem procurar comunicar

  fato

b)= Inscrever atletas em torneios fraudando-os  no peso ou na graduação

c) Negar inscrição de atleta em torneio extraordinário.convocado por federação ou confederação, quando o

convocado quer e pode participar

d)= Promover propaganda ofensiva a co-irmã ou incitar outros a isto , ridicularizando-a,por vingança, intuito de

desmoralizá-la ,ou subtrair seus alunos;

=e) Permitir instrutor ou professor não federado  ministrar aulas na  academia sede, sua filiadas ,ou sob

responsabilidade , sem procurar registrá-lo;

+f) Conciente  de que  o titular da  equipe,instrutor,estagiário,monitor ,graduado de qualquer natureza ,

ou  simples competidor ,e qualquer um qualquer um sob a égide da FMJ-J que incitar outrem a rixa ou  a

desordem, ao tumulto e algazarra,em torneios e fora deles, sem comunicar o fato.

PENA  dvertência; Suspensão: Retenção do Alvará ; Exclusão; Comunicação as entidades de

competência.

                                   CIRCUNSTANCIAM QUE ATENUA  PENA

 Ter sido a infração cometida em desafronto imediato a grave ofensa moral;

 Ter  o infrator prestado relevantes serviços a Federação e ao esporte ;

 Ter o infrator confessado a infração atribuída a outrem

 Ter a infração sido cometida em defesa própria ou de outrem,frente a grave ameaça  de      perigo eminente

                                              EXTINÇÃO DA PENALIDADE

 Pela anistia.pela morte do infrator;. Pelo cumprimento da pena;. Pela reabilitação.

                                           DA PRESCRIÇÃO

Prescreve-se a ação em um (1) ano, quando não executada a contar da data que transitou em julgado 

                                           DA PEREMPÇÃO

A perepção ocorre quando o queixoso deixou o processo paralisado por mais de três  (03 ) meses  nem

 encaminhou a ação em 72 horas .

 

                      *******

   KIMONO COM OS ESCUDOS E NAS CORES PERMITIDAS EM COMPETIÇÕES

        DA FEDERAÇÃO MINEIRA - F.M.J-J.

 

 

O KIMONO CORRETO

      Inteiramente branco,azul ,preto  .

 

 

 

 

 

 

 

 KIMONO CORRETO , CONTENDO APENAS OS ESCUDOS DA FEDERAÇÃO,

DA LIGA  BRASILEIRA E DA CONFEDERAÇAÕ BRASILEIRA  , DESDE  QUE

 O COMPETIDOR SEJA  FEDERADO ,LIGADO E CONFEDERADO.

 

NO KIMONO CORRETA NAÕ HÁ PROPAGANDAS EXCESSIVAS 

 EM  LUGARES  PROIBIDOS.

    

 SOBRE O KIMONO  PARA COMPETIÇÃO NO ESTADUAL

     Circular enviada as equipes e publicado em  18,03.2013 18 de fevereiro de 2013  

   Kimono trançado,inteiramente  branco,azul,ou preto. Tamanho compatível om o físico

do competidor. - Escudos  somente   nos locais determinados :  o da  Federação no lado

esquerdo  a  5  centímetros  da linha do ombro, o da equipe federada  imediatamente

 abaixo.Permitido o da equipe  também nas costas -No lado  direito os escudos da LBJ-J

e o  CBJ-J  se o  competidor também for nelas registrados.- Marca da fábrica do kimono 

Somente uma, em tamanho regular (15 X 5), proibido no lado esquerdo ,espaço  reservado   aos escudos  oficiais .

A palavra jiu-jitsu, se  abaixo,distanciada dos escudo poderá permanecer . Se a marca do kimono ultrapassar  no lado

 esquerdo o competidor  coloca os escudos sobre a marca .ou poderá se desclassificar .

- Patrocínios somente  nas áreas livres, ordenados a exemplo do ordenado  Confederação (CBJ-J ). Não permitido  no

lado esquerdo.

-   No kimono somente um nome de academia , a que esta federada e consta na carteira 2017  do competidor,

    VETADO  NO KIMONO  OFICIALFiguras, gravuras,desenhos , mensagens de qualquer natureza; -Escudo ou propaganda

 de outra equipe, federada ou naõ ; - Marcas da fábrica espalhadas pelo kimono ( Retirar todas deixando somente uma ) -

 Invasão de qualquer natureza nos lugares destinados  aos escudos das entidade oficializadas leva a desclassificar do

competidor .           Na academia  a Federação  não interfere na marca, tipo ou cor do kimono .    

Ha competidores desrespeitando  o regulamento e os procedimentos ,

   AO ALUNO COMPETIDOR   -    Vetado o  competidor se apresentar usando kimono com símbolos e dizeres estranho

aos da Federação, exceção  para o patrocínio,que entretanto não  poderá  ser inserido no peito lado esquerdo, reservado ao

 escudo da equipe e acima deste o indispensável escudo da Federação. Lado direito do peito na mesma altura reservado  a 

escudo de outras entidades. Parte superior das costa altura do ombro onde a palavra jiu-jitsu  poderá ser inserida.    

  C.4.1 .( janeiro de 1989 /1992) .

            PERMITIDO  NO  KIMONO PARA 2017  - O kimono é o trançado,e as  cores nas competições oficiais continuam

o branco, o azul, o preto. Entretanto, figuras  e outros detalhes que descaracterize o kimono oficial continua  não tolerado.

Nem  podem  obstruir  os lugares reservados para o escudo da equipe e o da Federação .

                         *******

                 .   AO TITULAR  DE  EQUIPE   !

 A Federação solicita  comunicar-se com ela, sempre que possível , para constatar  se  seu aluno foi

devidamente registrado,renovado ou reintegrado.

 MOTIVOS . Há registros não concluídos  pela falta de fotos, ou xerox da identidade, do CPF , ou 

 

residência fixa .As fotos  devem ser atualizadas assim como endereços.Sem a  Carteira  e o Escudo não

 ha participação  no estadual . 

   MUDANÇA DE FAIXA -  A mudança de faixa (competidor ou não) somente é aceita  quando enviada

no impresso próprio ,e que consta no site e pode ser enviada via email ou fax .O impresso fica arquivado.      

    O SITE E AS NOTICIAS DA FEDERAÇÃO - Como o conteúdo de sites são noticias , e pode conter

 erros e equívocos ,torna-se conveniente  consultar a Federação nas coisas mais importantes ,como valores,

datas e outros. Entretanto ,o conteúdo da circular  é oficial ,e prevalece o que nela estiver .

 COMPROVANTE DE DEPÓSITO  - Os   comprovante de depósito enviados a Federaçaõ, via 

email, de agora em diante devem constar o nome da equipe e  numero do filiado  que  paga,e 

 porque do depósito. Basta  escrever  estes dados  no  comprovante  do depósito  antes de

enviar .    Motivos:  Dezenas de comprovantes de depósito  tem sido recebido sem qualquer

identificação do seu remetente , causando  bastante trabalho  para identificar quem.

 QUANT0OS DEPÓSITOS ENVIAR- Cada equipe deve enviar no máximo cinco (5) no depósitos no

 mês  Para isto basta fazer um depósito de várias inscrições ao invés de uma a uma,como vem acontecendo .

                                     *******

 SEJA PARCEIRO DA FEDERAÇÃO !

A Federação Mineira de Jiu Jitsu, através de seu Departamento de Marketing, está abrindo espaço

às empresas que queiram divulgar seus nomes nos torneios e eventos promovidos pela entidade.

Como se sabe, o patrocínio esportivo tem se mostrado, nos últimos anos, uma forma de divulgação

bastante vantajosa para as empresas de um modo geral, que têm tomado consciência desta forma de

divulgação de marcas e seu potencial para atingir o público.

As empresas que investem no esporte são vistas com simpatia pela maioria do público e por

 consumidores de uma forma geral. Isso se dá, basicamente, por dois motivos: o primeiro é que

a empresa está fazendo um "bem social" - investindo na cultura, no lazer, oferecendo ao seu

público algo além de seus produtos - e o segundo motivo é que a empresa passa para o público

 a impressão de uma maior cumplicidade, proximidade. Através do esporte, a empresa consegue

comunicar-se com seu público, mostrando a que veio, isso porque os esportes em geral trabalham

 com a emoção das pessoas, com seus ideais e paixões e isso acaba passando para a empresa também,

 na visão do público.

O patrocínio esportivo, desta forma, faz com que a marca da empresa seja constantemente exposta,

aliando a ela as características do esporte utilizado, agregando imagem de prestígio e modernidade

 à corporação, conferindo-lhe perfil competitivo e retornos surpreendentes.

PORQUE O JIU-JITSU?

O JIU-JITSU  é, sem dúvida, a Arte Marcial que mais cresceu nos últimos , impulsionado,

principalmente, pela forte exposição obtida na mídia, principalmente pelas transmissões das lutas

golpes traumáticos , no qual  a referida arte mostrou a sua superioridade e eficácia em relação às

demais . Além disso, a explosão da violência nas grandes metrópoles faz com que as pessoas

procurem mais este esporte, que, além de proporcionar um equilíbrio físico e mental, é o que realmente 

 prepara o indivíduo no quesito defesa pessoal.                ( Mestre Adair )

                                                                                                   

      

  FAIXA PRETA   

  CARÊNCIA =TEMPO DE PERMANÊNCIA NA FAIXA E NO GRAU                                                             

PRETA  LISA -         (2)

 2  ANOS  NELA

 07 ANOS  DE JIU-JITSU

20 ANOS

PRETA  1º GRAU- ESTAGIÁRIO  (3 )

 2 ANOS NELE = 4

 09 ANOS  DE JIU-JITSU 

23

  2º GRAU -ESTAGIÁRIO            (3 )

 3  ANOS NELE = 7

 12  ANOS DE JIU-JITSU

26

 3º  GRAU - PROFESSOR ( 4)

  4 ANOS NELE =11

16 ANOS  DE JIU-JITSU 

30

 4º GRAU- PROFESSOR SUPERVISOR (5)

 5 ANOS NELE = 16

21 ANOS DE JIU-JITSU

35

 

5º GRAU- PROFESSOR  SUPERVISOR (5)

6 ANOS NELE = 22

27 ANOS DE JIU-JITSU

41

 

6º GRAU-PROFESSOR SUPERVISOR (5)

7  ANOS NELE=29

34 ANOS  DE JIU-JITSU

48

 

7º GRAU   MESTRE  -CORAL

7 ANOS NELA=36

41 ANOS  DE JIU-JITSU

55

 

8º GRAU MESTRE - CORAL

8 ANOS NELA=44

49 ANOS  DE JIU-JITSU

66 ANOS

 

9º GRAU GRANDE MESTRE-VERMELHA

9 ANOS NELE=53

 58 ANOS DE JIU-JITSU

75 ANOS

 

10ºGRAU-  GRANDE  MESTRE

 

 

 

 

  NA QUESTÃO TEMPO  HÁ QUE  CONSIDERAR OS  VALIOSOS SERVIÇOS PRESTADOS AO JIU-JITSU

 

   OBSERVAÇÕES     Pode ser designado como:  1-monitor; 2-preta lutador; 3-estagiario; 4-professor; 5- em diante 

  Professor  supervisor          

       FAIXA  P /  MENORES  - MASCULINO E FEMININO

  IDADE FAIXA  PERMANÊNCIA

 A TROCA  DE FAIXA DEVE 

 SER  DE CONFORMIDADE  

 COMO O TEMPO DE 

CARÊNCIA MÍNIMA 

ESTABELECIDA PARA AS

 IDADES

6 E 7 ANOS

 

 BRANCA /AZUL CLARA
08/09/10  BRANCA /AMARELA
 11/12 BRANCA/AMARELA/LARANJA
13/14/15 BRANCA/AMARELA/ LARANJA/ VERDE
16/17 BRANCA/ AMARELA/ AZUL/ROXA

 IMPORTANTE:   Faixa cinza não  é oficial da Federaçaõ,porem se o competidor é Confederado  poderá lutar com sua faixa

inza,porem com  competidor  da federação na cor correspondente a

sua  idade

 

                                                                *******

                SAIBA QUE:

LARGURA CORRETA DA FAIXA         A largura da faixa do jiu-jitsu é de 04 centímetros, da branca a marrom 4º  grau; a faixa

 estará correta quando: a) - apresentar a tarja preta   de 10 centímetros de comprimento

 (característica do jiu-jitsu) costurada em  distanciada de 02 cmts de uma das pontas; b)- quando na faixa amarrada a tarja preta

 tiver voltada para a esquerda  do corpo; c)_ quando os graus estiverem fixados sobre a tarja  preta; d)-quando na faixa amarrada

o nó lembrar um triangulo.  

 IDADE PARA  FAIXA  PRETA Já    permitido  a faixa preta  partir dos 20 anos e o tempo de carência para  cada grau vai  se

alongando a medida que ele  se eleva . Desde 1980 que a F.M.J-J. não reconhece faixa preta, ou grau , cedida  individualmente por 

 academia  ou  professor  .

O  portador da faixa preta lisa é   lutador, o 1º e o 2º grau professores  estagiários, 3º grau  professor de fato.A partir

 do 4 º  grau  torna-se  professor   supervisor de equipe .

-A  exigência da F.M.J-J.  na escolaridade  para obter a faixa preta  vem contribuindo  de maneira substancial para que tantos

jiutsukás   completem  um  curso superior e tantos empenharam-se  em  estudar .

A  FMJ-J  pode indeferir  o pedido para elevação de   graus ao faixa preta,  de até 35 anos de idade, que não estiver

competindo nem apresentando motivos para a ausência em torneios da  federação .

Para a contagem do tempo para exame a preta  e concessão de graus , os anos de ausência da FMJ-J são

obrigatoriamente descontados .

Portadores da faixa preta  cedido por confederação ou federação có-irmã, desde que portadores de comprovante   podem 

se registrar como faixa pretas lutador. 

Que  certificado de faixa preta  de outra entidade congênere poderá ser averbado  pela FMJ-J, porem o diploma da FMJ-J 

somente pode ser concedido a quem se submeter a sua  BANCA EXAMINADORA   

COMPETIDORES DE OUTROS ESTADOSQuando se abre espaço para a filiação  de equipes e competidores  de outro estado,

ou noutro país,esta  ferindo   a  legislação esportiva .Porem, um mineiro federado portador da carteira do ano,residente noutro 

 estado ou noutro pais ,pode  participar do campeonato estadual mineiro pela sua equipe de origem.

 REGISTRO EM DUAS FEDERAÇÕES    O  competidor esportivo não pode se registrar em duas

federações  congêneres (da mesma modalidade) no mesmo  território de atuação, porque 

 somente uma pode ter legitimidade para representar seu  estado ,

  50% do valor estipulado para a troca da faixa  é repassado  ao supervisor, e  o  supervisor tem

autonomia:  para permitir,se assim  desejar, que o seu supervisionado  efetue o exame  da branca

p/amarela sem a sua presença, ou ainda  abrir mão  da sua parte no exame   em prol do aluno ou do

 professor  supervisionado .

 Federação nada recebe dos exames de faixa nas academias, nem dos patrocínios recebidos pelos competidores

JULGAMENTO PELO  TRIBUNAL DE JUSTIÇA DESPORTIVO          O  competidor, uma vez julgado pelo TJD, a pena imposta

 por ele  terá se  tornar  de conhecida  público, até em nível nacional.

Nenhuma credencial ou identificação pode substituir a carteira da FMJJ do competidor federado no local de competição ..

Que o competidor deve estar preparado  também para perder ,pois ninguém é  imbatível, e quando a derrota acontecer 

deve ser

 encarada com espírito esportivo,  não com revolta ou pretensa humilhação.

  É obrigação do professor  instruir seus alunos que vão competir  quanto ao regulamento  e as  normas da  competição ,

que   advém da Federação   e  da Confederação . 

 O  árbitro central ou lateral igualmente poderá sofrer impedimento,   se     estiver estiver prestando serviço que

prejudique o competidor, conseqüentemente ao  quadro arbitral.

SUSPENSÃO DE ALUNO                 Que a  Equipe federada tem autonomia para suspender  seu aluno  até  180 dias,  e

 oficialmente solicitar  da federação anotação na ficha curricular. Neste período de suspensão não poderá participar de

eventos da FMJ-J. Se  o Conselho Disciplinar  julgar que a suspensão deva ser superior a 120 dias  o infrator terá de ser

 julgado pelo Tribunal de Justiça Desportiva .

TRANSFERÊNCIA  DE  ALUNO  PARA OUTRA  EQUIPE              Que  o titular de uma equipe tem até 90 dias para 

liberar um  aluno de faixa de qualquer cor,  que pretende ir para outra equipe. E que o impedimento maior  é quando o 

aluno estiver em debito para com a equipe ?

TAXAS   PARA  MUDANÇA DE  FAIXAS   NAS ACADEMIAS                             Que o Artigo  C.3 & 16   do Manual de

 Instruções da FMJ-J  diz que  o exame de graduação até a faixa marrom poderá ser feita  sob taxa, se o professor  desejar

mas tomando por referencia:  faixa branca p/ amarela 10% do valor do  SM (salário mínimo vigente); amarela p/laranja 15%; l

aranja p/ verde 20%; verde p/azul 20 %  ; amarela p/azul 20%; azul p/roxa  30% ; roxa p/marrom  40%  ? 

 TAXA  DE  TRANSFERÊNCIA           Que a Federação  Mineira não determina cobrança de  taxa de transferência 

de aluno , e quando isto ocorre o critério é  do professor que transfere . 

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DESPORTIVA              Que   um portador  da  faixa preta se julgado pelo TJD  com a perda da

faixa (cassação) mesmo assim continue a usá-la , e documento  , falsa ideologia, configurada pelo não cumprimento de

determinação de TJD. Pode ser solicitada a intromissão da justiça comum e da lei.

 O PRIMEIRO CAMPEONATO BRASILEIRO DE  JIU-JITSU  Foi    o campeonato de  nível  nacional    MINAS X RIO  , 

realizado pela  Federação Mineira e Liga Niteroiense  , entre  seleções  de Minas   e  Rio,   intercalando  Belo Horizonte e Niterói 1984 

a  1988,organizados pelo Mestre Adair e \professor Silvio Pereirsa

.SOBRE A FMJ-J      A  Federação   Mineira de Jiu-Jitsu foi criada com a finalidade  de dirigir,difundir, incrementar e fiscalizar o

 jiu-jitsu  em Minas Gerais ,diretamente ou através das associações  , e que estas determinações do seu estatuto foram  garantidas

com a aprovação  em 1975 ,sob decreto , pelo Ministério da Educação  e pelo   Conselho Nacional de Desportos , publicado no Diário

Oficial da União  em 21.1.76 ?

Que 19 pessoas subscreveram ,em 1975, o documento para a  criação , fundação e reconhecimento da Federação Mineira de

 Jiu-Jitsu -FMJ-J junto ao MEC  e foram eles : Adair Alves de Almeida ,Alcebíades  Ferreira Filho ,Carlos Alberto das Neves ,

Carlos Antonio  da Silva ,Célio Mariano Batista  Delvair Pinto de Aguiar ,Estevão de Mesquita Gomes, Geraldo Ourivio Maia, 

Grego Aniceto Catambi , Hamilton Lagares Cortes ,Jonas os Santos Amalhio José Senador Rosa, Leonardo Dutra Vasconcelos ,

Lucio Alves da Silva , Oldair W.Oianes Pinto , Paulo César Lisboa ,Selênio Oliveira  Naves ,Takeo Yano , Vicente  Gonçalves  ?  

Com o  falecimento dos  Mestre Tadeu Yano , José Senador  e Luiz Albuquerque ,pouco depois     dois professores

foram  elevados a mestres pela FMJ-J e oficialmente  reconhecidos como tal :  Adair Alves de Almeida Nº 002 e  Hilton Leão da Silva

Nº 003 . únicos autorizados pela FMJ-J a portarem oficialmente o 7º grau (  faixa coral ) no território mineiro .E que somente depois de

sete (7) anos   mais 4 professores  foram elevados a  a mestres .

O   portador de faixa coral ou vermelha , residente e domiciliado  em outro  estado, se tiver equipe ou supervisão em

Minas  ,desde que  registrado na  FMJ-J   como  " honorário "  poderá participar  das coisas da  entidade  . 

Que  o praticante de jiu-jitsu ,mesmo o não federado, participando  como convidado de torneio da FMJ-J, conforme o

seu comportamento  poderá ser enquadrado nas leis que emanam do seu regulamento .

Que os participantes dos torneios da FMJ-J obrigam-se  a  disciplina ,o  respeito à hierarquia e a organização ,pois os   

 atentados ao Código Ético e Disciplinar inevitavelmente levara  o infrator a  sanções e até julgamento  pelo Tribunal de Justiça

Desportivo ,e conforme o caso a justiça comum .

FOTOS  PUBLICADOS NO JIU-JITSU MINAS E NO SITE FMJ-J     Que o lutador, por mais importante que tenha sido a sua

conquista ,se no seu kimono não for visto o escudo da federação a sua   foto não  terá destaque na  Federaçaõ  . Isto porque a  falta 

do escudo  revela  falta de  respeito e falta de consideração para com a  federação mineira   conseqüentemente por Minas  Gerais ?

Que no kimono ,faixas , cartazes não se pode conter dizeres e propagandas induzindo ao uso de bebidas alcoólicas ,ao

 fumo,a drogas , a quaisquer atividades proibidas e contrarias a Lei ?

A LIGA BRASILEIRA E CONFEDERAÇÃO    Você sabia que  foi a recusa de professores do Rio  a proposta do professor Adair 

 em 1989 ,  para  a criação da  Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu  , que  o levou  a  criar  e fundar  em 1990   a  Liga Brasileira de

Jiu-Jitsu  ( LBJ-J )  com a participação   de titulares de equipes de 6 estados? E  participaram ativamente , colocando-a em

funcionamento  em 1991 com  denominação  1º Campeonato Brasileiro de Integração Nacional do Jiu-Jitsu ,titulo  sugerido na ocasião

pelo   professor Beto Ferrão  de Brasília , ,ja falecido?   

LIGA BRASILEIRA II
Que  a  Liga Brasileira  foi criada  com o intuito  de  realizar um campeonato  anual ,de nível nacional, entre equipes e competidores 

 nela registradas  em todos os estados , porem   em comum acordo as Federações .  O intuito do Mestre Adair era percorrer o Brasil .

O campeonato brasileiro seria realizado em todos os estados  ,até percorrer o Brasil . E assim foi  enquanto  administrada pelo

 Mestre Adair . 

    1º. A taxa referencial  usada  para exame do faixa preta que era oficialmente de dois (2)  salários mínimos  e passou  extra

oficialmente  para um (01 ) salário mínimo  e até com desconto.

2º  A faixa preta lisa poderá  ser concedida pela F.M.J-J. aos 20 anos de idade .

3º  A taxa para o exame ao 1º e ao 2º grau  passa  a ter desconto de  20 %  sobre  o valor da taxa  referencia,enquanto do 4º ao

6º grau o desconto é de 30% .

4º  A  elevação ao 3º grau –  professor , permanece sob o valor da taxa referencial  integral .

5º Os elevados  do 7º grau em diante  pasam a pagar uma taxa simbólica de 20% do valor da taxa referencial ,para despesas

administrativas .

                          Revogam-se as disposições em contrário.

                             Belo Horizonte, 20  de julho de 2015.

 

                                                                                                                 *******                                                                                                                                                :

 

   A  EQUIPE  AUSENTE , E ACADEMIA  SEM  ALVARÁ  ESTADUAL . 

  A cademia  de jiu-jítsu, ou de qualquer modalidade esportiva, .funcionando no  território mineiro sem o alvará da sua

Federação deve procurar registrar-se nela para seguir na regularidade. No jiu-jítsu, para  normalizar esta situação a

Federação Mineira  (F.M.J-J.) esta convidando  e oferecendo uma mediação de interesse O  convite é válido para a

academias  federada ausente  e para  academia ainda não federada, para normalizar  em condições  simples e

 favoráveis a participar também do  campeonato  estadual mineiro de jiu-jitsu. Levar em conta que as  Federações

representativas das diversas modalidades esportivas,legalmente constituídas  e devidamente registradas e

reconhecidas pelos órgãos competentes , são as que  tem  legitimidade  no Estado . Saõ  estas que podem expedir

alvarás, conceder diplomas ,  realizar o campeonato   estadual , formar a seleção  mineira,e dar o amparo legal que

lhes são permitidos  .   O curricular do atleta competidor, expedido pela  federação estadual  é o que tem  validade  e

m qualquer circunstancia. Considere que uma equipe federada, mesmo com alvará vencido  continua vinculada, sem os

direitos principais  e  em debito,  devedora. Este   débito e  obrigações junto a Federação Mineira de Jiu-Jitsu (F.M.J-J.) cessa 

somente quando quitado ,ou quando a federada registrar em cartório que encerrou suas atividades, não mais ministrando aulas

 de jiu-jitsu . Então será providenciado a "tranca  do   Registro  da Equipe  de jiu-jitsu" . 

                                    * ***

                                                                           O FAIXA PRETA  CONFEDERADO

 

   Somente o CONARS tem concedido as  faixas e graus no território Mineiro .E o faz  sob exame frente

a sua Banca Examinadora.  A   Federação Mineira de Jiu-Jitsu é a entidade que tem legitimidade para

 autorga

rEESULTADO GERAL DAS  ETAPAS  DO CAMPEONATO ESTADUAL ATÉ 2016 REALIZADAS  PELA  F.M.J-J.

                                                 Conferir    em    Resultados   


   OS   ATUALIZAÇÃO  DE PROFESSORES E COMPETIDORES .

A Federação esta solicitando  ao professores e competidor  federado , enviar foto 3 x 4 recente, para atualizar  a ficha curricular

 de cada.Incluir telefone e email ,endereço com  CEP, atualizados . Também via email . Enviar  a Federação via correios

,telefax 031.3224 8979  ou email  fmjitsu@terra.com.br .      


              ATENÇÃO !            

FEDERADO RESIDENTE  NOUTRO PAÍS          

A Federação Mineira de Jiu-Jitsu ( F.M.J-J.)   recomenda ao seu  federado faixa preta ,devidamente  diplomado, que está se  

transferindo  para outro país e lá continuando a  praticar o  jiu-jitsu ,para manter o vínculo com a F.M.J-J. Entretanto  ,para não

perder o tempo de carência  adquirido e  visando competições e futuras graduações ,poderá também participar do campeonato

estadual pela sua equipe de origem .  

 

 EQUIPES  FEDERADAS  EM  CAMPEONATOS  EXTRAS .Algumas equipes  federadas  e vinculadas, estão participando de

 torneios e campeonatos, até mesmo promovendo-os, sem comunicar a federação, cometendo infração . Determina o Estatuto  da

 Equipe  federada ou vinculada ,  que  antes de  participar  de torneios e campeonatos estranhos a Federação,ou mesmo promover 

um , devera ela  comunicar-se com a F.M.J-J.  neste sentido . 

  

     VETADO  FILIAÇÕES E TRANSFERÊNCIAS IRREGULARES

A  Federação  tem vetado filiações e transferências  de alunos , competidores  , por irregularidades como  documentos  inadequados

, falta de fotos, transferências sem assinatura do titular  da equipe. mudança de faixa sem assinatura  do  supervisor

Também vetou alguns alvarás de dependência que não comprovaram  endereço do local  .

 

 

       EQUIPE SEM SUPERVISOR

 Assim como uma equipe não pode se filiar sem ter um supervisor (4º grau em diante )  ela não pode renovar seu avara sem

 este supervisor atuando. A troca de um supervisor por outro até pode ser feita ,desde que o motivo seja justificável e 

 devidamente abonada pelo  CONARS  Somente  supervisor  federado  residente  em Minas Gerais. O professor 3ª grau pode ser

o supervisor da sua própria equipe .

 

 

 
DO


                             Escritório central e expediente : Av. Amazonas, 885/ Sl.348 Centro. Cep 30180 000  Belo Horizonte /MG
                                  
Telefax.: (31) 3224-8979 - E-mail: fmjitsu@terra.com.br  e  contato@jiujitsuminas.com.br
      Expediente: de 2ª a 6ª feira, de 9:00 as 13:00 Hs. e de 14:00 as 18:00. A Presidência   atende de 14:00 as 18:00 Hs .